COMPETÊNCIA LEXICAL E O USO DOS DICIONÁRIOS NUMA ABORDAGEM PARA O ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA COMO LÍNGUA DE ACOLHIMENTO

  • Alan Tocantins Fernandes Universidade Federal de Mato Grosso, Brasil.
Palavras-chave: Léxico. Dicionários. Português como língua de acolhimento. Refugiados, Léxico, Dicionários, Português como língua de acolhimento, Refugiados

Resumo

O objetivo deste artigo é discutir, através de uma reflexão teórica, sobre o potencial de uma abordagem lexical mais completa e da utilização de dicionários no ensino de Língua Portuguesa como Língua de Acolhimento (PLA), com enfoque no contexto brasileiro, haja vista a importância do aprendizado do português no processo de integração e interação para pessoas em situação de refúgio no Brasil. Com a chegada de imigrantes e refugiados, novas saberes teóricos e práticas são necessárias para o ensino de PLA e devem ser articulados com outras abordagens, levando em consideração as necessidades dos aprendizes. Conclui-se que obras lexicográficas podem ser potenciais instrumentos colaboradores na formação do aprendiz de língua estrangeira e obras de grande importância para entender e se apropriar da maneira como a língua se organiza, além de contribuir no contínuo desenvolvimento da língua e para a cultura do país acolhedor. Além disso, a abordagem pode colaborar para o caráter emancipatório tão desejado no ensino de PLA e para o empoderamento de grupos minoritarizados.

Publicado
2019-07-02
Como Citar
Fernandes, A. (2019). COMPETÊNCIA LEXICAL E O USO DOS DICIONÁRIOS NUMA ABORDAGEM PARA O ENSINO DA LÍNGUA PORTUGUESA COMO LÍNGUA DE ACOLHIMENTO. Diacrítica, 32(2), 9-29. https://doi.org/10.21814/diacritica.430
Secção
Confluências em Português Língua Segunda/Língua Estrangeira/Língua de Herança