AGROQUÍMICO, BIOCIDA, PESTICIDA, PLAGUICIDA E PRODUCTO FITOSANITARIO: UMA PESQUISA COM CORPUS

  • Mauren Thiemy Ito Cereser Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brasil
  • Cleci Regina Bevilacqua Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brasil

Resumo

O objetivo deste trabalho é demonstrar a utilização de corpora à luz dos princípios
teórico-metodológicos da Linguística de Corpus no estabelecimento da equivalência
do termo agrotóxico em espanhol. São estudados os termos: agroquímico,
biocida, pesticida, plaguicida, producto !tosanitário e agrotóxico, conforme empregados
no cenário de leis ambientais do Brasil e dos países hispânicos. Para tanto,
foram seguidas as seguintes etapas: a) busca das de&nições dos termos em dicionários
e glossários especializados; b) constituição de corpora com textos legais de
países hispanofalantes para cada um dos termos; c) coleta de contextos utilizando
o AntConc; d) busca de traços de&nitórios; e) elaboração de mapas conceituais;
f) identi&cação dos equivalentes. Fazem parte do quadro teórico desta pesquisa
a Teoria Comunicativa da Terminologia (Cabré 1999), a Linguística de Corpus
(Berber Sardinha 2004), a Equivalência Funcional (Gémar 1998).

Publicado
2020-03-20
Como Citar
Cereser, M., & Bevilacqua, C. (2020). AGROQUÍMICO, BIOCIDA, PESTICIDA, PLAGUICIDA E PRODUCTO FITOSANITARIO: UMA PESQUISA COM CORPUS. Diacrítica, 32(3), 31-60. https://doi.org/10.21814/diacritica.572
Secção
Corpora nas Humanidades Digitais