ESTILÍSTICA DE CORPUS E ANÁLISE TEXTUAL DE RELEVÂNCIA TRADUTÓRIA: UMA ABORDAGEM INICIAL À OBRA DE DENTON WELCH A PARTIR DE UMA PERSPECTIVA FUNCIONALISTA

  • Guilherme da Silva Braga Universidade de Coimbra, Portugal

Resumo

O presente artigo propõe-se a interpretar os resultados de uma análise estilística
da narrativa breve “Sickert at St Peter’s” (1942), do escritor e pintor inglês Denton
Welch (1915–1948), feita de acordo com os métodos da linguística de corpus no
contexto da análise textual de relevância tradutória apresentada por Christiane
Nord em Textanalyse und Übersetzen (2009). O objetivo é explorar as possibilidades
teóricas e as aplicações práticas de uma abordagem de corpus na fase de análise
lexical que compõe o modelo de Nord sob a perspectiva da tradução literária, em
que o estilo e as escolhas lexicais desempenham um papel fundamental. Após uma
apresentação dos resultados da análise, as 25 palavras-chave de maior destaque
são analisadas em contexto. Procede-se então a uma discussão sobre as especi#cações
tradutórias e a tradução literária em geral e à apresentação de uma estratégia
pré-tradutória global passível de ser aplicada à tradução de “Sickert at St Peter’s”.
O estudo conclui que a metodologia descrita oferece um contributo valioso para a
interpretação de textos literários e serve como uma ferramenta prática no desenvolvimento
de estratégias pré-tradutórias aplicáveis a textos literários individualmente
considerados.

Publicado
2020-03-20
Como Citar
Braga, G. (2020). ESTILÍSTICA DE CORPUS E ANÁLISE TEXTUAL DE RELEVÂNCIA TRADUTÓRIA: UMA ABORDAGEM INICIAL À OBRA DE DENTON WELCH A PARTIR DE UMA PERSPECTIVA FUNCIONALISTA. Diacrítica, 32(3), 227-248. https://doi.org/10.21814/diacritica.580
Secção
Corpora nas Humanidades Digitais